A Fundação CEBI organizou, no âmbito das comemorações do mês que assinala a Prevenção contra os Maus-tratos na Infância, uma Tertúlia com diversos Amigos, que foi dinamizada pelo Professor Nuno Colaço.

A iniciativa pretendeu ser uma reflexão conjunta sobre a temática, onde os participantes foram consciencializados para a importância da prevenção de um dos problemas que em muito condiciona a vida e o futuro das crianças. "Espelho meu, espelho meu, onde me encontro eu?" deu o nome à Tertúlia, que decorreu no Ateliê Artístico da CEBI, num ambiente descontraído, mas devidamente pensado para o efeito.

Várias ações na CEBI sensibilizaram a Comunidade Escolar

Ao longo do mês de abril, a CEBI assinalou a efeméride através de um conjunto de ações desenvolvidas pelo Departamento de Emergência Social (DES). Entre elas, destaca-se um grande Laço Azul – Logotipo Oficial do mês da Prevenção contra os Maus-tratos na Infância – que os Colaboradores do DES colocaram no exterior das suas Instalações, sensibilizando toda a Comunidade para a temática.

Olga Fonseca, Diretora do DES, desafiou, ainda, os alunos do 1º ciclo do Colégio José Álvaro Vidal para uma exposição de desenhos sobre o tema, que foram expostos no espaço da Tertúlia, onde também foram projetadas algumas reflexões das crianças da Casa de Acolhimento da CEBI.

Questionar, desencadear interesse e consciencializar

Promovido pela Câmara Municipal de Lisboa, pela Comissão Nacional de Proteção de Crianças e Jovens em Risco (CNPCJR) e pela Associação de Mulheres contra a Violência (AMCV), abril é considerado o mês da Prevenção Contra os Maus-tratos na Infância.

Durante 30 dias, um conjunto de parceiros associaram-se a esta iniciativa, promovendo um conjunto de ações que questionavam, desencadeavam interesse e consciencializavam a Comunidade para a importância da Prevenção dos Maus-tratos na Infância, do fortalecimento das famílias – no sentido de uma Parentalidade Positiva – e ainda do indispensável envolvimento Comunitário para minorar este problema.



VOLTAR