O Ciclo de Tertúlias para 2019, da Casa de Acolhimento do Departamento de Emergência Social da CEBI, vai ser inaugurado em março com a sessão “A Violência não é Doméstica”.

Dinamizada por Daniel Cotrim, Assessor Técnico da Direção e Supervisor das Casas de Abrigo da APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, a sessão vai decorrer a 14 de março no Ateliê Artístico da Fundação, a partir das 18h00. As inscrições são gratuitas, mas obrigatórias e limitadas aos lugares disponíveis na sala.

Será a violência, doméstica? 

Sendo um problema social grave, em que urge a implementação efetiva de medidas de prevenção, de proteção e de punição, há que não ter medo de levantar o véu e de interromper um processo que, iniciando-se, por si só não terminará – antes pelo contrário, aumentará com o tempo, reduzirá os graus de liberdade dos envolvidos e potenciará o perigo para os mesmos.

Como uma teia em que, quem cai, não sai sozinho, o impacto da violência faz-se sentir em toda a comunidade. E quanto mais se falar sobre violência, menos doméstica ela será. Menos tolerada será. Menos vítimas fará e, nesta área, menos que zero é pouco!

Contamos consigo para mais um fim de tarde de reflexão sobre um assunto que é responsabilidade de todos.


[ ATUALIZAÇÃO ]
As inscrições para a Tertúlia já se encontram encerradas, uma vez que foram atingidos os lugares disponíveis na sala.  



VOLTAR