Abril é, por excelência, o mês da Prevenção Contra os Maus-Tratos na Infância, um flagelo cuja melhor forma de tratar “é impedindo que aconteça”. 

Promovida em Portugal pela Câmara Municipal de Lisboa, pela Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens e pela Associação de Mulheres contra a Violência (AMCV), a efeméride assinala-se, este ano, sob o mote "Serei o que me deres... que seja amor" e previu a realização de um conjunto de ações que alertassem para a necessidade e importância de prevenção nesta área. 

Associando-se às iniciativas, a Casa de Acolhimento Residencial da CEBI voltou a expor um Laço Azul no exterior das suas instalações, com o objetivo de questionar, desencadear interesse e consciencializar a Comunidade para a importância da prevenção dos maus-tratos na infância, do fortalecimento das famílias – no sentido de uma Parentalidade Positiva – e, ainda, do indispensável envolvimento de todos para minorar este tão grave problema que condiciona a vida das crianças, bem como todo o seu futuro.



VOLTAR