No âmbito das disciplinas de Educação Visual e de Educação Tecnológica, os alunos do 6.º ano do Colégio José Álvaro Vidal voltaram a assinalar o Dia Nacional do Azulejo com a participação na ação “SOS Azulejo”, que decorreu a 06 de maio. 

A iniciativa juntou, este ano, mais de 17 mil participantes de todos os graus de ensino – desde do Pré-escolar à Universidade Sénior – em torno de um objetivo comum: sensibilizar a comunidade para a necessidade premente de conservação, prevenção e valorização do património azulejar português. 

Com recurso à criatividade e imaginação, os estudantes ergueram, na CEBI, um mural de azulejos, previamente preparados num ateliê de pintura realizado no Museu Nacional, em Lisboa. A proposta pedagógica e cultural pretendeu “chamar à atenção para a necessidade e importância da proteção daquela que é a expressão artística diferenciadora da cultura portuguesa no mundo: o azulejo”.

O Projeto “SOS Azulejo” é uma iniciativa coordenada pelo Museu de Polícia Judiciária (MPJ) que nasce “da necessidade imperiosa de combater a grave delapidação do património azulejar”. Em vigor desde 2007, o Projeto tem vindo a alcançar diversos resultados na conservação preventiva e na sensibilização para a valorização deste património histórico e artístico do nosso país, que se destaca “pela qualidade e quantidade de temas, estilos, materiais, técnicas e usos”.
 



VOLTAR