Desde sempre que o Colégio José Álvaro Vidal se orgulha de incentivar os alunos a explorar novas áreas criativas do conhecimento.

A visão da Educação está em constante mudança e os alunos precisam de adquirir novas competências. Atualmente, as Escolas procuram atingir o que o Ministério definiu como o “Perfil do Aluno à Saída da Escolaridade Obrigatória”. Pretendem-se incutir princípios, valores e competências que os preparem para ser cidadãos ativos nas sociedades atuais. 

Desde 2018 que o Colégio da CEBI, acompanhando esta mudança, investiu numa nova área de desenvolvimento: DAC – Domínios de Autonomia Curricular. Nesta área, os alunos são incentivados a elaborar projetos interligando conhecimentos das diferentes disciplinas que frequentam e utilizando diversas metodologias de elaboração.

Alimentação, bullying e ambiente alvo de projetos de alunos

No primeiro semestre deste Ano Letivo, os alunos do 5º ao 8º ano de escolaridade incidiram os seus projetos em três temas: a alimentação, o bullying e o ambiente. De entre os projetos elaborados, destacam-se o planeamento de um ecoponto sustentável, a criação de um protótipo digital de uma cidade sustentável, a realização de uma experiência sobre o efeito corrosivo do sal nos alimentos e no Ser Humano, a construção de uma maquete exemplificativa das energias renováveis, entre outros.

A diversidade e a abrangência dos temas a trabalhar permitem que os alunos desenvolvam capacidades de pesquisa e criatividade, aprendam a trabalhar em equipa, aprofundem temas de interesse comum, trabalhem a motricidade fina e desenvolvam o aperfeiçoamento das capacidades de comunicação e apresentação em público.

Exposição para apresentação de trabalhos 

No final deste primeiro semestre de aulas, foi realizado um momento de apresentação dos Projetos a alunos e a Professores da respetiva turma. Para apresentação aos restantes elementos da Comunidade Escolar, foi realizada uma exposição com alguns dos trabalhos produzidos durante o semestre.

Ambicionamos que o processo de desenvolvimento dos trabalhos dos alunos seja cada vez mais autónomo, culminando em Projetos relevantes para a Comunidade Escolar.



VOLTAR