Assinalou-se a 16 de novembro o início das comemorações do centenário do nascimento de José Saramago, dia em que o escritor faria 99 anos. O Colégio José Álvaro Vidal foi uma das 100 escolas portuguesas que se associou a esta homenagem, participando na iniciativa “Leituras Centenárias,” referente ao programa “Saramago nas Escolas”, uma parceria da Fundação José Saramago com a Rede de Bibliotecas Escolares e com o Plano Nacional de Leitura.

Às 10 horas, em centenas de escolas, em Portugal, em Lanzarote, Brasil e noutros locais do mundo, alunos leram o conto “A Maior Flor do Mundo”, presente no currículo escolar do 4º ano do Ensino Básico.

Estas comemorações são uma oportunidade privilegiada para a consolidação da presença de um grande escritor na história cultural e literária, para além de procurar motivar os jovens para a leitura, para o aperfeiçoamento da língua, para a compreensão da narrativa e para o questionamento e diálogo sobre nós próprios, a sociedade e o meio ambiente.

As sete bibliotecas da Rede de Bibliotecas José Saramago também promoveram diversas atividades, tais como, leituras encenadas, maratonas de leitura ou leituras através das redes sociais.

Do programa comemorativo consta ainda a edição de uma fotobiografia, cinco conferências comissariadas pelo escritor argentino Alberto Manguel, um Colóquio de Estudos Saramaguianos no Brasil, a edição de uma moeda comemorativa e um ciclo de cinema pela Cinemateca Portuguesa. O regresso da ópera "Blimunda", de Azio Corghi e José Saramago, pelo Teatro Nacional de São Carlos, e a estreia do espetáculo de teatro de rua "A Passarola", pelo Trigo Limpo Teatro ACERT, são outras das iniciativas.

 

 



VOLTAR