O Inner Self – Espaço Equilíbrio Corpo e Mente, parceiro da Fundação CEBI, promoveu, junto dos associados da Liga de Amigos (LAC), uma Aula Aberta de Meditação para Crianças. A iniciativa, que se realizou a 26 de setembro, dividiu-se em duas sessões e teve sempre “casa cheia”. Os quase 40 participantes, com um máximo de 15 anos, fizeram-se acompanhar pelos pais, com quem partilharam momentos de relaxamento.

Conduzidas por Alexandra Carmo, uma das Instrutoras e Responsável do Centro Inner Self, as sessões foram compostas por exercícios que pretendiam aumentar o bem-estar físico, a atenção, a concentração e a autorregulação das crianças e dos jovens.

A imaginação e a criatividade também foram trabalhadas, em prol de um equilíbrio entre o Corpo e a Mente – para pais e filhos, durante os exercícios propostos, relaxar significou também imaginar que eram “gelados a derreter ao sol” ou “árvores enraizadas na terra”.

“O que dizem as crianças?”

“Ver, ouvir e sentir o mundo de olhos fechados”, usando a “imaginação para” se sentir melhor. Propositadamente, “fechar os olhos e pensar em algo” ou conseguir até “não pensar em nada”. “Experienciar o silêncio interior”. São algumas das definições de Meditação, apresentadas numa breve exposição que antecedeu as Sessões.

Mas, afinal, “o que dizem as crianças” que praticam Meditação? Na apresentação, a Responsável do Espaço parceiro da LAC, indicou que, num inquérito realizado a alunos do Programa americano Mindful School, 80% dos inquiridos revelaram que a prática meditativa os “ajuda a acalmar quando estão perturbados”, 58% acredita que os “apoia a focar nas aulas” e 34% confessa que aumentou “as notas escolares”. Quase 90% das crianças questionadas afirmou, ainda, que “mais pessoas deviam aprender” a meditar.



VOLTAR