A Fundação CEBI celebra em novembro deste ano o seu 50.º Aniversário. Um marco histórico relevante que deve orgulhar todos aqueles que diariamente constroem a história desta Fundação e trabalham para influenciar positivamente gerações futuras. É, portanto, um ano de celebração. Um ano repleto de iniciativas que assinalam, com relevância, o caminho até agora percorrido.

E porque o espaço onde Colaboradores e alunos passam grande parte do seu dia é crucial para o seu bem-estar, durante o mês de março estão a decorrer um conjunto de ações que pretendem requalificar e aumentar a área dos espaços verdes desta Fundação. Com a colaboração de alunos de diferentes faixas etárias, as zonas verdes estão agora, ainda, mais verdes contribuindo-se, assim, para a redução do efeito de estufa na nossa atmosfera.

No Dia Internacional das Florestas, 21 de março, todos foram convidados a plantar árvores e plantas, num conjunto de atividades que se revestiram de uma importância muito especial.

As crianças do Pré-escolar deram o mote às ações, iniciando o dia 21 de março a limpar canteiros, preparando-os para receberem novas plantas e flores. Cuidadosamente, cada turma requalificou o canteiro mais próximo do seu Bloco – “só assim poderão cuidar com carinho a sua plantação, até porque, no Pré-escolar, todas as crianças aprenderam que para além de água e sol, todas as plantas precisam de muitos miminhos”, avançou-nos uma das Educadoras de Infância que participou nesta ação.

Seguiram-se os alunos do 2.º e 3.º ciclos. Em espaços mais centrais da Fundação, os estudantes apadrinharam “a sua árvore”, plantaram-na, regaram-na e traçaram o seu Bilhete de Identidade, conscientes da importância da sua preservação. Todos eles foram “a mudança que querem ver no mundo”, respeitando a floresta e contribuindo ativamente para a proteção do Planeta Terra.

Plantação da “Árvore dos Colaboradores” acompanhada por Manuela Vidal

Numa perspetiva de comprometimento com os valores e princípios que norteiam a atuação da CEBI e de fortalecimento da sua cultura organizacional, também os Colaboradores da Fundação foram convidados a plantar “a sua” Árvore. Forte, resistente e “porto de abrigo”, o Sobreiro foi a Árvore escolhida para esta ação, que juntou Colaboradores da CEBI num momento extremamente simbólico, para que se continue diariamente a “fazer a diferença”. 

Juntos, e em representação de tantos outros, os Colaboradores participantes quiseram construir mais um capítulo “da história” desta Casa, acompanhados de perto por Manuela Vidal, esposa de José Álvaro Vidal, principal impulsionador do nascimento e desenvolvimento da CEBI, e de Ana Maria Lima, atual Presidente do Conselho de Administração.

Colaboradores “arregaçaram as mangas e meteram as mãos à obra”, contribuindo, com um sorriso no rosto, para a plantação do Sobreiro. 

Sobreiro “assobiador” vence concurso internacional

No mesmo dia em que a “Árvore do Colaborador” da CEBI ganhou vida, com o desejo de se “aprender a cuidar dela como se cuida das pessoas e do Planeta”, em Águas de Moura, Concelho de Palmela, um Sobreiro “assobiador” venceu o concurso da Árvore Europeia do Ano. Estavam em competição 13 árvores oriundas de diversos países europeus. A árvore portuguesa – conhecida como “Sobreiro Assobiador” devido aos pássaros que se juntam a chilrear na sua copa – foi plantada em 1874, tem 234 anos e mais de 16 metros de altura.

Diversas entidades apoiam a requalificação dos espaços verdes da Fundação

O processo de requalificação dos espaços verdes da Fundação CEBI começou logo no início do mês de março com a preparação de uma Horta Biológica junto a uma das instalações de Pré-escolar, resultado da envolvência de diversas turmas do Colégio José Álvaro Vidal num Projeto que se quer de todos. Brócolos, beterraba, rúcula, morangos, entre outros vegetais e frutos, crescem agora na CEBI.

Este processo de requalificação dos espaços verdes só está a ser possível concretizar devido ao apoio da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, da Junta de Freguesia de Alverca e Sobralinho, da Câmara Municipal de Moura, entre outras entidades, pelo que aqui fica o nosso agradecimento. Queremos ainda salientar a importante ajuda por parte dos nossos Colaboradores, que se têm envolvido nestas ações. 



VOLTAR