Previous Page  75 / 82 Next Page
Information
Show Menu
Previous Page 75 / 82 Next Page
Page Background

75

12.13. Investimentos financeiros

Em 31 de Dezembro de 2015 e de 2014 a rubrica “

Investimen-

tos financeiros

” apresentava os seguintes valores:

DESCRIÇÃO

2015

2014

FCT-Fundo de compensação

do trabalho

1.619,98

309,28

FRSS-Fundo Reestruturação

Setor Solidário

2.572,82

0,00

Total

4.192,80

309,28

O FCT é um fundo de capitalização individual financiado pe-

las entidades empregadoras por meio de contribuições men-

sais. Estas contribuições constituem uma poupança a que se

encontram vinculadas, com vista ao pagamento de até 50%

do valor da compensação a que os trabalhadores abrangidos

pelo novo regime venham a ter direito na sequência da ces-

sação do contrato de trabalho.

O FRSS destina -se a apoiar a reestruturação e a sustenta-

bilidade económica e financeira das Instituições Particulares

de Solidariedade Social (IPSS), permitindo a manutenção do

regular desenvolvimento das respostas e serviços prestados.

Os apoios atribuídos pelo FRSS às IPSS e equiparadas têm

natureza reembolsável.

12.14. Indicação do número médio de utentes por

valências, no exercício:

VALÊNCIAS

Nº DE

UTENTES

1) Área da Infância e Juventude

Creche

218

Creche Familiar

56

Pré-escolar

390

Centro de Emergência Social

30

ATL/Clube de Jovens

943

1.º/2.º/3.º Ciclos do Ensino Básico

914

Subtotal

2.551

2) Área de Idosos

Lar de Idosos

88

Centro de Acolhimento Temporário

de Emergência para Idosos

10

Residência Assistida

11

Centro de Dia

25

Apoio Domiciliário

40

Subtotal

174

3) Área da Família e Comunidade

Comunidade de Inserção

14

Subtotal

14

Total

2.739

12.15. Demonstração de fluxos de caixa

12.15.1.

Compreende as importâncias recebidas de clien-

tes, respeitante à venda de mercadorias e à prestação de

serviços.

12.15.2.

Compreende as importâncias pagas a fornecedo-

res, respeitantes à compra de bens e serviços.

12.15.3.

Compreende as importâncias recebidas e pagas

que sejam de considerar no âmbito das atividades opera-

cionais e que não tenham sido relevadas sob as denomina-

ções anteriores.

Foram aqui considerados os valores recebidos a título de

subsídios de exploração.

12.16. Acontecimentos após data de Balanço

Não são conhecidos à data quaisquer eventos subsequen-

tes, com impacto significativo nas Demonstrações Financei-

ras de 31 de Dezembro de 2015.

Após o encerramento do período, e até à elaboração do

presente anexo, não se registaram outros factos suscetíveis

de modificar a situação relevada nas contas.

Alverca, 24 de Março de 2016

TÉCNICA OFICIAL DE CONTAS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO