Previous Page  42 / 110 Next Page
Information
Show Menu
Previous Page 42 / 110 Next Page
Page Background Relatório e Contas 2013 Fundação CEBI

42

|

Instituidores e Órgãos Sociais

|

Nota de Abertura

|

A Fundação em Números

|

Relatório de Atividades

|

Análise Económica e Financeira

|

|

Referências Finais

|

Demonstrações Financeiras | Anexo às Demonstrações Financeiras

|

Apreciação e Certificação

|

Contactos

|

Educação

|

Ação Social

|

Saúde

|

Outras Atividades

|

Balanço Social

|

ficamente na promoção dos recursos cognitivos e prevenção das demências. Conse-

quentemente, a intervenção recaiu na aplicação de exercícios específicos, na versão

mais clássica e/ou fazendo recurso de novas tecnologias (informática/ internet),

destinados a dimensões várias como a atenção, concentração, memória, linguagem.

Ao longo das sessões foi ainda promovido o relacionamento interpessoal, inclusão

social, autoestima, o autoconhecimento.

Foram também realizadas sessões semanais de

apoio psicossocial

a todos os idosos,

tendo como objetivos gerais acompanhar o ciclo de acolhimento do cliente, identificando

e intervindo nos problemas psicossociais, que possam dificultar a sua integração; pro-

mover o bem-estar físico, e emocional do cliente; despistar quadros psicopatológicos;

realizar o controlo sintomático dos quadros demenciais; intervir em contextos de crise;

intervir nos processos contínuos das tarefas de conclusão do ciclo de vida; garantir com

a equipa de colaboradores que os serviços prestados estão centrados e orientados para

o cliente, visando a satisfação das suas necessidades e a promoção dos seus potenciais.

Participação da Comunidade e Familiares

A preservação da relação com os parceiros locais continuou de forma articulada e pró-

xima, nomeadamente, com as estruturas hospitalares da região, com o serviço local da

Segurança Social de Mafra e com os organismos locais, entre os quais a Junta de Fre-

guesia da Ericeira, APERCIM, Bombeiros Voluntários da Ericeira, Guarda Nacional Republi-

cana, entre outros.

Por outro lado, a maioria dos familiares participou ativamente nos eventos celebrados

ao longo do ano, proporcionando com a sua presença um ambiente mais acolhedor.

Contribuíram também na avaliação dos serviços prestados, através das respostas aos

Inquéritos de Satisfação realizados de acordo com as exigências do Sistema de Gestão

da Qualidade

Comunidade de Inserção

Introdução

Durante o ano de 2013, a Comunidade de Inserção teve como objetivos gerais estruturar

A maioria dos

familiares participou

ativamente nos

eventos celebrados